“Ouro negro” retirado da foz da Ribeira de São João

Rui Marote
Finalmente iniciou -se esta manhã o desassoreamento da foz da Ribeira de S. João, junto à ponte de São Lázaro, após as mais recentes chuvas.
Os materiais retirados são, a propósito, considerados de alta qualidade, uma vez que não têm sal, e são considerados muito bons para utilização no revestimento de paredes.
Estes materiais, que se vinham acumulando no interior do porto, vinham assoreando o mesmo até níveis preocupantes.