Ordem dos Psicólogos Portugueses atribui à Câmara da Calheta Selo Comunidade Pró-Envelhecimento

A Câmara Municipal da Calheta veio orgulhosamente informar que, no passado dia 01 de Iutubro, Dia Internacional do Idoso, a Ordem dos Psicólogos Portugueses atribuiu ao Município o Selo Comunidade Pró-Envelhecimento. Trata-se de uma distinção da Ordem dos Psicólogos Portugueses, destinada a reconhecer e distinguir as comunidades portuguesas que implementem boas práticas ao nível da promoção do envelhecimento saudável e bem sucedido, com qualidade e inovação, e que representem um valor acrescentado para a sociedade, com reflexo directo no bem-estar das comunidades.

O selo “Comunidades Pró-Envelhecimento 2020/2021” foi atribuído a todas as comunidades que se candidataram e que apresentaram políticas, programas, planos estratégicos e práticas que demonstram um compromisso forte e efectivo com a promoção do envelhecimento saudável e bem-sucedido ao longo de todo o ciclo de vida, salienta a autarquia.

“Este selo enche-nos de orgulho e vem demonstrar que os programas e políticas de apoio à comunidade mais envelhecida que o Município da Calheta tem vindo a implementar têm contribuído de forma positiva para está faixa etária da população do Concelho”, refere uma nota.