Preocupação com os TVDE na Madeira transmitida no parlamento regional

Os dirigentes do Núcleo Regional da Madeira da Confederação das Micro, Pequenas e Médias Empresas (CPPME) reuniram-se hoje com o presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, a quem deixaram preocupações sobre a adaptação à Madeira do “regime jurídico da actividade de transporte individual e remunerado de passageiros em veículos descaracterizados a partir de plataforma electrónica”.

Paulo Azevedo, diretor do núcleo regional, explica que, na proposta já enviada ao parlamento, a CPPME sugere um contingente de “uma viatura TVDE para cada 15 táxis” e a formação para os novos profissionais de transporte de passageiros.

Já José Berenguer, representante da confederação, reforça que “o que nós pretendíamos e exigimos é que fique já fixado o contingente”.

Os dirigentes da CPPME transmitiram ainda ao presidente do parlamento madeirense a insatisfação sobre o atraso nos apoios aos microempresários atingidos pela crise provocada pela pandemia da Covid-19. “Nós entendemos que os apoios deviam ser entregues diretamente aos microempresários e não diretamente à banca, para a banca emprestar o dinheiro com juros”, referiu Paulo Azevedo.