Programa de Empreendedorismo apoiou “Taberna do Petisco” e “Tina Flor” em Santa Cruz

Rita Andrade empresáriosA secretária regional da Inclusão e Assuntos Sociais, Rita Andrade, relevou a importância das visitas esta manhã a duas empresas criadas no concelho de Santa Cruz, através do Instituto de Emprego da Madeira (IEM), no âmbito do Programa de Empreendedorismo de Desempregados (PEED).

A primeira visita foi a uma loja de venda de flores, a ‘Tina Flor’, para a qual a promotora reconheceu a importância do apoio recebido do Governo Regional, sem o qual expressou que não teria conseguido abrir o espaço comercial em fevereiro último no coração de Santa Cruz, a pouca distância da igreja. Um projeto que contou com um financiamento na ordem dos 9,7 mil euros e que permitiu criar um posto de trabalho à nova empresária que estava em situação de desemprego.

Uma nota do gabinete de comunicação da governante, dá conta que “do outro lado da rua, Rita Andrade esteve com a equipa do IEM na ‘Taberna do Petisco’, um projeto igualmente apoiado pelo Instituto de Emprego da Madeira, que abriu as portas em julho de 2015. De um espaço que marcou o arranque do investimento, os promotores conseguiram não só manter o projeto vivo como implementar uma nova dinâmica, tendo aumentado a área das instalações do restaurante e duplicado o número de postos de trabalho desde a sua abertura.

Dos promotores ouviu igualmente o reconhecimento pelo apoio inicial que fez toda a diferença na viabilização do projeto. Para esta candidatura, o Instituto de Emprego da Madeira atribuiu um financiamento na ordem dos 46 mil euros pela criação inicial de quatros postos de trabalho.

Dados da secretaria de Rita Andrade revelam que “só em 2019, o IEM  atribuiu, através do Programa de Estímulo de Empreendedorismo de Desempregados, cerca de 627 mil euros, que permitiram a criação de 37 empresas e 59 postos de trabalho. Na atual legislatura, desde 2015, o IEM, através do PEED, atribuiu 5,5 milhões de euros para a criação de 323 empresas e a criação de 561 postos de trabalho”.