Barreto satisfeito com “peso” do CDS na Região promete trabalho já a partir de amanhã

Barreto noite eleioral ZO líder do CDS Madeira manifestou-se empenhado nos desafios eleitorais que ainda faltam para este ano de 2019, considerando que os resultados das europeias, não obstante terem resultado na não eleição da candidata Margarida Pocinho, revelaram um peso que o partido tem no panorama político regional, acentuando que o CDS fez uma campanha “pedagógica e não demagógica”.

Rui Barreto diz que “a partir de amanhã, o CDS continuará o seu trabalho, com humildade, como tem vindo a fazer”.

“Quero dizer que o CDS Madeira obteve hoje um resultado encorajador, está em terceiro lugar destacado, e foi na Região que o partido conseguiu o melhor resultado de todo o país”, declarou. “É, se me permitem, um bom tiro de partida para as eleições regionais. Vamos iniciar já a partir de amanhã (hoje) um trabalho sério e humilde, como tem sido nosso apanágio, como ficou demonstrado nesta campanha, em que apostamos na pedagogia e não na demagogia”.

Rui Barreto enalteceu “as condições excepcionais” da candidata Margarida Pocinho. Reconheceu-lhe “competências profissionais a que acrescem competências humanas e foi isso que permitiu ao CDS alcançar o terceiro lugar destacado, fazendo com que o partido seja relevante e esteja no centro da decisão para as eleições regionais”.