Lesados do Banif têm mais 15 dias para reclamações, só 717 dos 3000 cumpriram dentro do prazo

Lesados do Banif
Lesados do Banif pedem intervenção da CMVM.

Dos cerca de 3000 mil lesados dos Banif só 717 é que apresentaram  reclamações no prazo previsto pela comissão de peritos  que terminou a 23 de maio, revela uma nota da ALBOA, uma associação que tem desenvolvido ação junto dos lesados.

Por esta razão, e na sequência de pedido das associações de lesados, a comissão do Banif decidiu a prorrogação do prazo por mais 15 dias, ou seja, até dia 7 de Junho, para que mais clientes do Banif possam apresentar as respectivas reclamações. Em causa estão cerca de 200 a 250 milhões de euros,em títulos de dívida no Banif.

A mesma nota refere que “o objectivo da referida acção é que, depois desta fase, seja constituído um fundo de recuperação de créditos e que os lesados elegíveis pelas comissões de peritos sejam indemnizados. Os lesados elegíveis para apresentar reclamações são investidores não qualificados (investidores não profissionais), tanto particulares como pequenas empresas, que investiram no Banif em títulos de dívida do próprio banco e da ‘holding’ Rentipar (que detinha parte do Banif)”.