Secretária do Turismo releva papel da Madeira nos descobrimentos

Cabaço ciên ciaIntegrando as comemorações alusivas aos 600 Anos do Descobrimento das Ilhas da Madeira e Porto Santo, arrancou esta manhã, no Funchal, o Congresso Internacional ‘Contributo da Expansão Portuguesa para a Economia Mundial’.

Evento que reúne inúmeras personalidades ligadas à História, Banca, Forças Armadas, Economia, Gestão, Saúde, Tecnologia e universidades, provenientes de Portugal continental, mas também do Reino Unido, Alemanha e Estados Unidos da América.

“Um conjunto prestigiante e diversificado de oradores que, connosco, se disponibilizaram a uma reflexão necessária, mas, sobretudo, oportuna, quando se assinalam os 600 anos da descoberta deste território”, conforme sublinhou a Secretária Regional do Turismo e Cultura, Paula Cabaço, na sua intervenção.

Governante que realçou, na ocasião, “o papel que a Madeira assumiu nos Descobrimentos Portugueses”, afirmando-se como ponto de passagem para as rotas comerciais que ligavam os mercados europeus a todos os territórios então conhecidos.

“As rotas marítimas e comerciais dos séculos XVI e XVII, as inúmeras visitas de comerciantes e outros viajantes e o açúcar e o vinho deram visibilidade e notoriedade ao arquipélago, levando o nome da Madeira a todo o mundo”, observou a Secretária Regional.