Santander está a negociar mais saídas de trabalhadores

santander
O Santander confirma que o processo de resciões está em curso em Portugal.

O Santander Totta prepara-se para um ajustamento no quadro de pessoal em Portugal. A notícia é avançada pelo “”dinheiro vivo” citando o El Economista, que avança com a informação relacionada com esta nova redução de trabalhadores daquela instituição bancária, terminada que está a inclusão do Banco Popular.

Segundo a publicação online, o Santander garante que o processo gradual de rescisão, no quadro de funcionários, está em curso e tem sido feito de forma gradual com base em acordos de rescisão e pré-reformas. O Banco tinha, em junho, 6.642 trabalhadores em Portugal.

O Santander Totta, que ficou com o Banif, tem várias agências na Madeira.