Região acompanha suplemento aos enfermeiros especialistas, Pedro Ramos diz que medida “peca por tardia”

pedro ramos
Pedro Ramos diz que a Região vai acompanhar a decisão do Governo da República de atribuir o suplemento remuneratório de 150 euros aos enfermeiros especialistas.

O secretário regional da Saúde releva a medida do Governo da República de atribuir, aos enfermeiros especialistas, um suplemento remuneratório de 150 euros, considerando que se trata de uma situação “justa” e que “só peca por tardia”, sublinhando que a Região vai acompanhar essa decisão. A decisão, como o Funchal Notícias deu conta esta manhã, foi publicada hoje em Diário da República.

Pedro Ramos lembra, no entanto, que a Região adiciona, assim, a outras medidas que o Serviço Nacional de Saúde não tem, como sejam os três dias de férias, a remuneração mínima e as 35 horas semanais, que ainda não estão implementadas a nível nacional e que o Serviço Regional de Saúde já aplica, e bem”.

O governante madeirense diz que, em termos de carreiras daquela classe, o Governo Regional vem acompanhando “com muita atenção e estamos a adotar todas as decisões que são estabelecidas a nível nacional”.