Região garante meios aéreos de combate a incêndios ao integrar concurso nacional

pedro ramos
Pedro Ramos reuniu com o ministro da Administração Interna.

A Madeira vai integrar o concurso nacional de aluguer de meios aéreos de combate aos incêndios a ser lançado pelo Ministério da Administração Interna para os próximos dois anos. Isso mesmo foi garantido pelo respetivo ministro, Eduardo Cabrita, ao secretário regional da Saúde, que tem a tutela da Proteção Civil, durante uma reunião que ambos mantiveram ontem em Lisboa.

Pedro Ramos mostrou-se naturalmente satisfeito com esta abertura do Ministro da Administração Interna à pretensão da Região, que desta forma “obtém economia de escala, ao integrar o concurso nacional para o aluguer destes meios”.

Uma nota da secretaria, sobre esta audiência, lembra que “o Governo Regional da Madeira alocou uma verba de 1 milhão de euros, na proposta de orçamento para 2018, destinada à implementação dos meios aéreos na Região.

A mesma nota do gabinete de Pedro Ramos salienta que “Pedro Ramos esteve também reunido na parte da manhã com o Ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, num encontro que teve como objectivo fazer um novo ponto de situação relativo ao processo do novo Hospital.  O encontro contou com a presença do representante do Ministério da Saúde,  que integra o grupo de trabalho nacional e regional para o novo Hospital e cuja primeira reunião está agendada para o próximo dia 6 de Dezembro”. A referida nota não aponta, no entanto, dados sobre eventuais elementos suscetíveis de darem indicações sobre a posição do ministro relativamente ao assunto nem tão declarações de Pedro Ramos sobre a reunião.

O secretário regional da Saúde reuniu ainda no INFARMED para acompanhar o processo de implementação da Via Verde do Medicamento na Região,  a partir de 2018.

Esta via vai evitar falhas na distribuição dos medicamentos na Região, nomeadamente os mais utilizados, assegurando os stocks mínimos,  de acordo com as especificidades de uma região insular, como a Madeira.