Atraso no processamento de ordenados no SESARAM gera dúvidas mas tudo estará na conta a partir desta terça feira

Os funcionários afetos ao SESARAM terão, a partir de amanhã, o seu vencimento na conta bancária, garantiu ao Funchal Notícias o gabinete de comunicação do secretário regional de Saúde.

Ao longo do dia, gerou-se algum mal-estar e apreensão pelo facto de os profissionais de saúde não terem hoje na conta, como é habitual, o seu vencimento de novembro. Chegou mesmo a ser levantada a hipótese de o Governo Regional enfrentar problemas de tesouraria que pudessem pôr em causa o pagamento atempado dos vencimentos, neste mês.

Contactado o Governo Regional, foi-nos assegurado que não há problemas de tesouraria. O que houve, efetivamente, “foi um atraso no processamentos dos ordenados, que deveria acontecer esta ultima sexta feira, mas que já foi regularizado”.

Tânia Caldeira, assessora de imprensa do secretário regional da Saúde, recorda que, em matéria de pagamento de ordenados, a data definida é entre 20 e 25 de cada mês. No entanto, tem sido hábito pagar a 20.  De resto, acrescentou, “foi apenas uma questão de procedimento que gerou este atraso”.