Conselheiros da diáspora madeirense prejudicados pelo mau tempo no aeroporto da Madeira

Fotos Rui Marote

O poeta e sacerdote madeirense José Tolentino Mendonça abordou hoje a temática da “Língua, Cultura e Fé nas Comunidades Madeirenses”.

O também vice-reitor da Universidade Católica Portuguesa foi o convidado do Fórum Madeira Global que hoje decorre no Funchal.

O encontro reúne a diáspora madeirense e reflecte sobre a profundidade global da madeirensidade.

Tolentino Mendonça falou das referências literárias que descrevem as históricas razões de emigração dos madeirenses.

O fórum reúne um conjunto de personalidades que estudam o fenómeno migratório, associando a estes todos os cidadãos madeirenses, e descendentes destes, que decidiram deixar a sua terra em busca do seu sonho.

Vieram à Região conselheiros de todos os cantos do mundo, alguns deles ainda retidos, em trânsito, por causa das condições meteorológicas adversas no aeroporto da Madeira. Deverão chegar a tempo do encontro de amanhã.

Hoje ao final da tarde, pelas 18 horas, decorrerá uma conferência de imprensa com as conclusões do Fórum organizado pela Secretaria Regional de Sérgio Marques.

Antes porém, haverá debate, um deles moderado pela jornalista Fátima Campos Ferreira.

Amanhã, terça-feira reunirá o Conselho da Diáspora, no Salão Nobre do Governo Regional, uma reunião particularmente importante dada a situação de instabilidade na Venezuela.

O fórum desta manhã foi abrilhantado pela intervenção musical de Vânia Fernandes.