Secretaria do Ambiente está a limpar terrenos nas proximidades da estação da Meia Serra

Segundo informação da Secretaria Regional do Ambiente e Recursos Naturais (SRA), o Governo Regional está a proceder à limpeza de mais 27 hectares de terreno florestal, sobretudo plantas invasoras, altamente combustíveis, na área envolvente à estação de Tratamento de Resíduos Sólidos da Meia Serra. Trata-se de uma instalação estratégica para a região, pelo que os seus trabalhadores e a própria estação têm de ser protegidos dos incêndios. Possui no seu interior biomassa, pneus, óleos e materiais combustíveis.

“Esta é uma daquelas iniciativas que temos estado a fazer, quer em terrenos da Região, quer em terrenos privados. Todos juntos, já vai em 145 hectares”, disse Susana Prada. “As zonas limpas já são bem visíveis. Já existem muitas zonas abertas sem vegetação, o que, nesta altura de calor, previne os incêndios. No Outono, temos de começar a reflorestar para prevenir as aluviões”.

A limpeza, segundo a secretária regional do Ambiente e Recursos Naturais, está a incidir sobretudo em eucaliptos. A limpeza continuará durante os próximos três meses e representa um investimento de 50 mil euros, visando diminuir o risco dos trabalhadores da estação e das populações que moram nas imediações.