Nacional justifica resultados pouco animadores

CDNacional_logotipo

Está a ser um regresso claramente atribulado para a equipa sénior de futebol do Nacional.
O voo Porto/Funchal desta manhã onde viajava a equipa não conseguiu aterrar na Madeira devido aos fortes ventos registados no Aeroporto e depois de algum tempo em espera, acabou divergindo para o Porto Santo.
Com as previsões a serem pouco animadoras, a opção recaiu em fazer a ligação Porto Santo/Funchal de barco, com a comitiva a seguir na viagem das 18 horas do navio Lobo Marinho.

Quanto ao jogo de ontem, decorreu em casa do quase ‘europeu’ Arouca, e apesar dos números finais serem algo pesados (0-3), a verdade é que o desfecho final acaba, na perspectiva dos nacionalistas, por ser enganador, “sendo o resultado de um conjunto de factores nem sempre muito lineares”, alegam
“Um erro defensivo do Nacional permitiu ao Arouca adiantar-se no marcador, e pouco depois as coisas complicaram-se ainda mais quando Cosme Machado entendeu haver intencionalidade de Washington num lance em que a bola bateu no braço do médio do Nacional e assinalou grande penalidade. Mateus aproveitou e fez o 2-0.
Dois minutos depois Cosme Machado mostra um rigor raramente visto nesta Liga e exibe dois amarelos a Hichem no mesmo lance, expulsando o jogador do Nacional. O jogo ficou decidido nesse momento”, defende-se o Clube.
A partir daí o Nacional foi digno, lutou sempre pelo melhor resultado mas quem acabou por marcar foi o Arouca, com Walter a bisar.

Na conferência de imprensa realizada no final do encontro, o treinador do Nacional, Manuel Machado, felicitou o Arouca pela carreira na Liga, e justificou o desaire com 3 momentos: Um erro defensivo que valeu o 1-0; um penalti e também uma expulsão que “nunca se vê contra equipas grandes”.
Lamentou por isso “a falta de uniformidade de critérios”, considerando que isso acabou por prejudicar o espectáculo.

Apesar da derrota, o Nacional continua no 9º lugar, com 37 pontos, posição que poderá mesmo garantir definitivamente no próximo domingo, caso vença na recepção ao Belenenses.