Torneio de Esgrima de S. Gonçalo a 30 de Abril

esgrima

Depois de apurados os campeões regionais de Esgrima no escalão de Iniciados, no passado dia 16 de Abril, este sábado, 30 de Abril, vai decorrer na Sala de Armas do Funchal, no complexo Adelino Rodrigues, o Torneio de Esgrima de S. Gonçalo 2016.

Nesta prova, que vai já na sua 8ª edição, estarão em pista os mais jovens esgrimistas das Madeira (Benjamins) que começam os assaltos pelas 10:00 horas e, mais tarde, pelas 12:00 horas, os Seniores, todos com o objectivo principal de mostrar as suas qualidades e destreza na arte do florete.

Organizada pela Associação de Esgrima da Região Autónoma da Madeira (AERAM), desta feita, a prova conta com a parceria do Clube Desportivo 1 de Maio e, a exemplo de anos anteriores, da Junta de Freguesia de s. Gonçalo. O evento está também integrado no leque de actividades desenvolvidas pelo 1º Maio no âmbito das comemorações do seu aniversário.

A Esgrima é um dos desportos que tem vindo a renascer na Região nos últimos anos, fruto do trabalho de divulgação da Associação de Esgrima da Região Autónoma da Madeira (AERAM), quer nas escolas quer através de muitas outras iniciativas pela ilha, ao longo do ano.

Ao longo da sua história na Região já produziu vários campeões, com títulos nacionais e internacionais e têm levado o nome da Madeira a patamares internacionais altamente competitivos.

A época de 2015/2016 já conta inclusive com um novo projecto, o ARCA d’Ajuda, que depois de ter arrancado no Torneio de Abertura deste ano tem procurado estar presente nas restantes provas. Para além disto, dando provas da sua vitalidade, também começaram os treinos na Sala de Armas da Camacha, (no ginásio anexo à piscina), marcando o início de um novo ciclo para a Secção de Esgrima do CD Unidos da Camacha.

De realçar ainda que esta época os mais jovens atiradores madeirenses puderam pontuar para o ranking nacional da Federação Portuguesa de Esgrima, já que a Madeira passou a estar integrada no circuito das competições nacionais de Benjamins e Infantis. Para os Mosqueteiros Benjamins e Infantis da Madeira a entrada no ranking representa novos desafios mas também uma forma de mostrar o desenvolvimento e as potencialidades da modalidade regional junto dos seus competidores participando e ganhando experiência nas provas nacionais da Esgrima.

Disseminada pela ilha, para além do Funchal, a actividade está particularmente enraizada em locais como S. Vicente, Santana e Camacha, tendo clubes muito competitivos nos diversos escalões.

Esta divulgação tem vindo a ganhar adeptos também nas redes sociais com a criação de grupos de apoio à modalidade e divulgação dos seus benefícios para o crescimento e aprendizagem dos mais jovens, com destaque para as páginas no Facebook, quer da própria Associação de Esgrima da Madeira quer da página “Os Mosqueteiros da Madeira”.