Feiticeiro da Calheta em exibição na Casa da Cultura de Santa Cruz

Sexta-feira, dia 8 de Abril de 2016, às 15:30, na Casa da Cultura de Santa Cruz | Quinta do Revoredo será inaugurada a Exposição “Feiticeiro da Calheta – A primeira Festa da Vindima e a origem do bailinho da Madeira”.

Esta sessão conta com a presença de Eugénio Perregil e Paulo Ladeira, coordenadores da exposição, para uma conversa alusiva ao tema.

O evento será precedido de um momento musical por alguns elementos dos Machetes de Machim, dirigidos pelo professor Roberto Moniz.

Esta exposição aborda uma viagem à I Festa da Vindima que decorreu a 18 e 19 de setembro de 1938 no campo Almirante Reis, no Funchal.
A I Festa da Vindima, com o duplo objetivo de socorrer a Escola de Artes e Ofícios da Madeira e promover o vinho e uvas da Madeira, teve uma grande envolvência de toda a ilha, desde o poder político, religioso, social e económico, pessoas abastadas e de menos recursos contribuíram para uma grande manifestação no Funchal, como então nunca se tinha visto na Madeira.
Nos dois dias da Festa decorreram exposições, discursos, barracas de comes e bebes, cortejos de produtos agrícolas e de ranchos folclóricos, bem como uma exibição destes ranchos, onde se cantou pela primeira vez a melodia do Bailinho pelo Feiticeiro da Calheta.