Quinta Pedagógica dos Prazeres “semeia” espantalhos pelos campos

ESPANT8
FOTOS TERESA GONÇALVES

Os campos ganharam vida e cor na pacata mas dinâmica freguesia dos Prazeres, no concelho da Calheta. Os tradicionais espantalhos tomaram de assalto os campos numa cruzada sem tréguas à passarada, nomeadamente ao atrevido pombo. O produto final está à vista de todos: mais de duas dezenas de espantalhos, minuciosamente e habilmente elaborados pela gente da Quinta Pedagógica dos Prazeres, escolas e demais instituições sociais. Todos mobilizados na recuperação de uma tradição singular.

ESPANT10O aproximar-se da primavera nos Prazeres e o prelúdio da época das sementeiras são assinalados com este regresso às origens. Os espantalhos sempre foram uma tradição local, como a melhor “arma” para afugentar os pombos e outros animais indesejáveis. Esta obra, orientada pelo pároco Rui Sousa, não só mobiliza as poucas centenas de habitantes da freguesia como estabelece importantes laços de socialização.

ESPANT7Além dos espantalhos, a Casa de Chá da Quinta Pedagógica dos Prazeres oferece ao visitante uma mostra de pintura alusiva ao mesmo tema, podendo o visitante passar momentos agradáveis neste espaço de total comunhão com a natureza.

ESPANT4ESPANT11