PPM quer mais apoios para as PME

ppm

O PPM emitiu um comunicado no qual diz que, para o partido, é necessário que o governo dê um maior e mais efetivo apoio às micro, pequenas e médias empresas (Pme´s).

Numa altura em que a percentagem de desemprego na Madeira é a mais elevada do país, verificando-se o encerramento de várias empresas em virtude da dupla austeridade, o PPM defende que está na altura de dar mais meios para que as pessoas voltem a investir, criando também mais postos de trabalho.

Para João Noronha, é necessário dar mais esperança à população madeirense e “isso só se consegue sem ilusões”.

“De que adianta ouvirmos o governo referir que estamos a sair da crise, se na prática a capacidade económica  da grande maioria das pessoas continua igual, onde muitas famílias necessitam de fazer uma ginástica quase incompreensível para que o dinheiro chegue até ao fim do mês? Necessitamos que o governo prove que está realmente preocupado com a situação da região e que desempenhem medidas de apoio mais efetivas à criação de novas empresas e que permitam sustentabilidade das atuais. Continuam a dificultar e dou como exemplo os desempregados a receber subsídio e que pretendem desenvolver o seu próprio negócio, mas que depois acabam por desistir tais são as dificuldades que colocam.”