Prédio do GR em ruínas aguardou 50 anos por recuperação

Rui Marote
Esteve meio século a aguardar recuperação: o edifício propriedade da Região, na Rua de São Pedro com os números de porta 23, 25 e 27 foi várias vezes anunciado como cantina da função pública.
Recordamos que em 2016 este edifício foi atingido pelos incêndios.
Esta artéria da cidade está encerrada ao trânsito entre a Rua do Castanheiro e o Beco da Madureira durante as obras que decorrerá a cargo da empresa Socicorreia aguardando a fixação do edital da Câmara.
Os serviços do governo serão ali instalados, libertando espaços arrendados. No próximo ano naquela área decorrerá obras num quarteirão da Rua do Castanheiro e Rua das Pretas com uma nova artéria.