PTP afirma que há muita coisa que explicar sobre a falência da FrenteMar Funchal

A candidatura do PTP ao concelho do Funchal defendeu hoje a ideia da realização de uma auditoria à empresa Frente-Mar Funchal.

A candidata do PTP, Raquel Coelho, identificou a necessidade de se insistir na auditoria da Frente-Mar Funchal, algo a que o executivo sempre se recusou.  Para o PTP, foi o voto contra a dissolução que salvou a Frente Mar e os seus trabalhadores.

“O encerramento da empresa foi planeado para esconder o descalabro financeiro da gestão socialista. Andaram a prometer lucros, saúde financeira e depois acabaram a esconder prejuízos”, acusou Raquel Coelho.

“Chegaram ao cúmulo de ameaçar os trabalhadores com falta de salários, com despedimentos e a prova que era mentira é que a empresa continua aberta”, afirmou ainda a trabalhista.