Miguel Albuquerque investigado pela Polícia Judiciária

A Polícia Judiciária está a investigar o presidente do Governo Regional, Miguel Albuquerque. Segundo adianta o jornal “Expresso”, agentes da PJ estiveram quarta-feira também na vice-presidência do Governo Regional da Madeira, procedendo à apreensão de documentos relacionados com a concessão do Centro Internacional de Negócios da Madeira ao Grupo Pestana.

O Expresso refere que os inspectores da PJ quiseram as deliberações do Governo Regional sobre o assunto desde 1987, data de concessão do CINM e de constituição da SDM, Sociedade de Desenvolvimento da Madeira. A sede da SDM também foi alvo de buscas.

Miguel Albuquerque confirmou ao semanário nacional as buscas, nada mais acrescentando devido ao “segredo de justiça”.

“As buscas, feitas no âmbito do processo 455/19.OT9FNC, que está a ser investigado pelo Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP) estão relacionadas com a investigação de que Miguel Albuquerque é alvo por ter vendido em 2017 a Quinta do Arco, onde estava plantado um famoso roseiral, a um fundo do universo do Grupo Pestana”, refere o Expresso.