Deputados do PSD-M salientaram “resposta atempada” do GR ao ensino na RAM

O grupo parlamentar do PSD destacou ontem “a resposta atempada” do Governo Regional no sector da Educação aos desafios trazidos pela pandemia.

“Com o aumento do número de casos de COVID-19 na Região, a tutela teve de tomar uma decisão relativamente ao funcionamento das aulas e, neste sentido, o Governo decidiu manter as escolas abertas para as crianças mais jovens e implementar o ensino à distância para as crianças mais crescidas”, afirmou a deputada Sónia Silva, numa iniciativa, realizada junto à Secretaria Regional da Educação.

A deputada sublinhou que “esta foi uma decisão ponderada, e que permitiu que todos os jovens estejam, neste momento, a ter aulas”, ao contrário do que se passou no Continente em que os estudantes “ficaram de férias”.

Sónia Silva sublinhou que as escolas com níveis a partir do 3ª Ciclo tiveram que colocar em prática um plano que já estava previsto desde o início do ano lectivo, disponibilizando o ensino à distância, o qual só é eficaz porque houve um grande investimento do Governo Regional na renovação do parque informático, na formação disponibilizada aos professores e na cedência de equipamento informático aos alunos com mais necessidades.

Contudo, reiterou que o sucesso de toda esta estratégia não poderia ter acontecido sem a dedicação e profissionalismo dos professores.

A deputada deixou uma palavra de confiança às famílias, realçando que “as escolas continuam a ser locais onde se trabalha a prevenção e as medidas de higienização e segurança e onde os planos de contingência têm funcionado de forma eficaz”.

Sublinhando que o ensino presencial é, sem dúvida, o ideal, Sónia Silva lembrou que “cabe a cada um de nós a responsabilidade de respeitar as medidas de forma a salvaguardar a saúde pública para que todos possam voltar às escolas o mais rapidamente possível”.