Governo Regional vai usar capacidade de financiamento para reduzir impacto da COVID-19

Pelo 7.º ano consecutivo, a Região Autónoma da Madeira registou um saldo orçamental positivo, em contas nacionais, de cerca de 38 milhões de euros. Esta informação da vice presidência surge depois de uma publicação do DN no mesmo sentido.

Segundio a nota da vice-presidência, “o Governo Regional vai aproveitar a capacidade de financiamento para aplicar na concretização de significativas medidas de suporte social, empresarial e económico de mitigação do impacto do COVID-19 e para proteger a vida dos Madeirenses e Porto-Santenses.

Em termos estratégicos, este resultado que, mais uma vez, garante uma trajetória de consolidação orçamental e de sustentabilidade das finanças públicas, permitirá ao Governo Regional assegurar, também, o melhor acesso aos mercados de capitais e de financiamento externo, aspeto fundamental para que a Região consiga assegurar todas as necessidades de financiamento e linhas de crédito, para atenuar o impacto negativo da situação de crise em que se vive”