Moradores do Bairro Social do Paul do Mar não pagam renda até junho

A Câmara da Calheta deu a conhecer que “os moradores do Bairro Social do Paul do Mar não vão pagar renda pelos espaços habitacionais até 30 junho de 2020, uma medida que surge no “seguimento das diligências de apoio às famílias implementadas pelo Governo Regional devido ao novo coronavírus”.

Com esta isenção, que se aplica aos meses de abril, maio e junho, a autarquia liderada por Carlos Teles pretende minimizar os impactos causados pela pandemia da Covid-19 que, de alguma forma, está a afetar as famílias e empresas do concelho.

Recorde-se, também, que este executivo já havia anunciado a suspensão do pagamento das rendas a espaços concessionados pelo Município.

A Câmara Municipal da Calheta aproveita  “para apelar ao cumprimento das recomendações emanadas pelas autoridades de saúde e pelo Plano Municipal de Contingência ao Covid-19, bem como à serenidade de toda a população”.