Seminário “Inovação e Empreendedorismo em Saúde” a 3 de Outubro na UMa

O Seminário “Inovação e Empreendedorismo em Saúde” realizar-se-á a 3 de Outubro na Universidade da Madeira, onde será oficialmente apresentado o H-INNOVA – Health Innovation HUB. Este evento, que assinala o arranque do projeto H-INNOVA – Health Innovation HUB, é uma iniciativa da PremiValor Consulting em parceria com o Governo Regional, através da Secretaria da saúde e com a Universidade da Madeira e deverá reunir um conjunto de especialistas na área da inovação em saúde e transformação digital.

“A ideia é debater temas como oportunidade e desafios do IoT ao serviço da saúde e formas de estabelecer pontes entre o conhecimento científico gerado em centros de investigação e universidades de referência para implementação em hospitais e outras unidades de saúde, refere uma nota de imprensa. Este seminário é aberto ao público e gratuito, estando as inscrições disponíveis através do link:  http://abre.ai/h-innova.

O H-INNOVA – Health Innovation HUB é um acelerador de inovação para a área da saúde, dinamizado pela PremiValor Consulting, que tem como objectivo contribuir para a implementação de projetos inovadores através de um ecossistema de incubação de ideias constituído por entidades públicas e privadas de referência no sector da saúde.

O Governo Regional da Madeira, através do Hospital Dr. Nélio Mendonça, é uma das primeiras entidades a integrar este sistema, em colaboração com a Universidade da Madeira e a StartUp Madeira, potenciando assim a capacidade de inovação em saúde na Região Autónoma da Madeira, refere a nota de imprensa.

O H-INNOVA – Health Innovation HUB irá reconhecer e premiar os melhores projectos académicos na vertente de inovação e empreendedorismo em Saúde visando o aumento da qualidade de vida dos doentes/utentes; a melhoria das condições de trabalho dos profissionais de saúde e a obtenção de ganhos de eficiência, aumento de produtividade e redução de custos nos hospitais.

Serão atribuídos prémios monetários aos vencedores e ainda a possibilidade de acompanhamento por parte de profissionais de saúde e especialistas na área económico-financeira com vista a potenciar a implementação dos mesmos e poderem resultar em STARTUPS de sucesso.