Mais palcos, mais investimento e novidade na Quinta Magnólia marcam Festa do Vinho na Madeira

FESTA DO VINHO 3 (1)Paula Cabaço
Este ano também há Festa do Vinho no Porto Santo, Ribeira Brava e São Vicente.

A XVI Semana Europeia do Folclore, já no próximo domingo, no Jardim Municipal do Funchal, abre o programa da Festa do Vinho 2019, uma edição que se prolonga até 8 de setembro e surge reforçada em palcos, animação e investimento. São cerca de 300 mil euros, mais 36 mil euros do que no ano passado, ao nível do investimento, com novas festas associadas e envolvendo 2.310 pessoas, sendo a taxa de ocupação hoteleira esperada de 85%.
Uma das novidades da edição deste ano decorrerá, na Quinta Magnólia, com o projecto Wine and Film Weekend, de entrada gratuita a decorrer, em concreto, nos dias 30 e 31 de Agosto e que integra provas de vinho proporcionadas por quatro produtores de Vinho Madeira, filmes temáticos, com espaço ainda para palestras, tudo isto ao ar livre na recentemente aberta ao público Quinta Magnólia.
Nesta edição da Festa do Vinho, regista-se mais investimento na animação, como explicou, na apresentação, a Secretária Regional do Turismo e Cultura. Governante que deu igualmente conta do envolvimento de 42 associações e artistas regionais, traduzidas em 48 atuações, ao longo deste período: «já no ano passado tínhamos feito uma clara aposta na animação de rua e, precisamente por ter sido um sucesso, este ano novamente reforçamos esta aposta com base naquilo que é a nossa identidade e matriz cultural, com 15 grupos de folclore, 6 bandas filarmónicas e 21 grupos musicais da Madeira».
Estão, pois, confirmados grupos e bandas dos concelhos do Funchal, Santa Cruz, Machico, Santana, Câmara de Lobos, Ribeira Brava e Ponta do Sol. Destaque para a presença de mais três grupos de folclore, de quatro bandas filarmónicas e de quatro actuações de grupos musicais.
Na Placa Central da Avenida Arriaga – centro das festividades – vai decorrer o Mercadinho do Vinho, com a presença de onze produtores de vinho de mesa e de Vinho Madeira, havendo também uma exposição dedicada ao artesanato, com produção e comercialização e outra ao Vinho Madeira, ambas iniciativas do IVBAM com os visitantes a poderem aprofundar os conhecimentos sobre o tema, nomeadamente, através de palestras.
O Largo da Restauração acolhe a Latada da Ribeirinha, um quadro cénico com representação teatral e espectáculos musicais aos fins-de-semana. Nesta “latada”, o público pode assistir a recriações de como eram antigamente as festas das vindimas.
Já na Praça do Povo volta a estar aberto o Madeira Wine Lounge, um espaço de lazer em que a primazia é dada, naturalmente, ao vinho e à gastronomia, sem contudo, faltar a animação.
Mas a Festa do Vinho de 2019 também se celebra fora do Funchal, revela uma informação do gabinete de comunicação da secretaria regional do Turismo e Cultura. “Deste modo e em associação, este ano há a Festa do Vinho da Ribeira Brava, que é uma das novidades e que decorre de 5 a 15 de Setembro. Há também as Festas da Vindima do Porto Santo, outra novidade a 5 e 6 de Setembro e a Festa da Vinha e do Vinho de São Vicente, de 11 a 13 de Setembro, que também pela primeira vez integra o cartaz, não sendo de esquecer as já consolidadas Festa da Uva e do Agricultor no Porto da Cruz de 31 de Agosto a 1 de Setembro e a Festa da Vindima no Estreito de Câmara de Lobos, com o ponto alto no dia 7 de Setembro em que não faltará a apanha da uva, o cortejo etnográfico e muita animação.