Projecto “Máquina do Tempo” sensibiliza alunos para a importância do turismo

A secretária regional do Turismo e Cultura marcou hoje presença no Arquivo Regional e Biblioteca Pública da Madeira, na apresentação da “Máquina do Tempo”, um novo projecto pedagógico do ABM destinado aos alunos do 2 e 3º Ciclos das Escolas da Região com a chancela dos 600 Anos da Descoberta da Madeira e Porto Santo e que está disponível já no próximo ano lectivo.

A apresentação desta maleta pedagógica, que visa sensibilizar para a importância, tradição e história, que o Turismo tem na Madeira e Porto Santo, realizou-se com a participação de duas turmas do Colégio do Marítimo.

Sobre este novo projecto, inteiramente idealizado e executado pelos Serviços Educativos do ABM, Paula Cabaço adiantou que reforça “um dos objectivos das comemorações: Os 600 Anos não são apenas para celebrar o passado e a nossa História, mas também cumprem um importante propósito, ajudar-nos a pensar e a preparar o futuro, deixando uma marca positiva e transformadora nas novas gerações, daí esta aposta, para continuar, de sensibilização do Turismo, a actividade económica, por excelência, da Região”. Ou seja, «existe uma estratégia para que os nossos jovens sintam o turismo como parte integrante do dia-a-dia, inclusive, estes projectos, a médio e longo prazo, podem conduzir a opções profissionais no sector, além de que contribuem para reforçar uma das nossas mais-valias e imagens de marca, a qualidade dos nossos recursos humanos, o saber receber».

Refira-se que este é já é o segundo projecto nesse sentido. O primeiro, que se encontra, a decorrer, é o “Madeira Somos Nós”.

Os conteúdos de “A Máquina do Tempo” incluem um texto intitulado “Os nossos ilustres visitantes”, que mostra algumas das figuras de renome mundial que nos visitaram, um jogo que permite explorar as diversas facetas do nosso turismo e, ainda, uma actividade de expressão plástica. Todos estes materiais se baseiam no arquivo fotográfico e postais da Madeira entre os séculos XIX e XX.