SRE assinala Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada

No âmbito do Plano Regional de Educação Rodoviária, a Secretaria Regional de Educação, através da Direcção Regional de Educação, vai assinalar O Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada (Dia da Memória) que ocorre anualmente no terceiro domingo do mês de Novembro. Este ano a efeméride ocorre a 18 de Novembro, tendo como tema “A estrada conta histórias. Nem todas têm um final feliz”.

O objectivo deste dia, esclarece-se, é o de homenagear aqueles que perderam a vida e os sobreviventes das estradas e, simultaneamente, reconhecer publicamente a trágica dimensão da sinistralidade, assim como tentar prevenir a ocorrência de mais acidentes e o consequente registo de mais vítimas, refere uma nota da SRE.

Além desta homenagem, também se louvam os profissionais que diariamente lidam com esta dramática realidade, tais como os polícias, as equipas de emergência e os profissionais médicos. A celebração anual do Dia Europeu em Memória das Vítimas da Estrada começou em 1993, pela mão da Federação Europeia de Vítimas da Estrada (FEVR). Nove anos mais tarde, em 2002, o Papa João Paulo II promoveu este Dia Europeu a Dia Mundial, dado o aumento alarmante da taxa de sinistralidade.  Já em 2005, a Assembleia Geral da ONU aprovou a adopção oficial do Dia Mundial em Memória das Vítimas da Estrada, tal como é celebrado hoje em dia.

Portugal, em união com o resto do mundo, através de várias instituições e em diferentes locais, volta a assinalar o Dia da Memória. Este ano, a cerimónia Nacional ocorre em Castelo Branco e integra um vasto leque de actividades. Relativamente aos dados da sinistralidade rodoviária, a tendência de descida verificada nos últimos anos, lamentavelmente, foi interrompida em 2018. Segundo a Organização Mundial de Saúde, estima-se que todos os anos se regista 1,2 milhões de vítimas mortais na estrada e que 50 milhões de pessoas ficam feridas no mesmo período de tempo. Caso não haja alterações na forma de encarar esta realidade, em 20 anos este número trágico aumentará em 65%, informa a SRE.

A Direcção Regional de Educação, no âmbito da execução do Plano Regional de Educação Rodoviária 2018/2019 (PRER), associou-se também a esta efeméride, criando e disseminando um cartaz alusivo pelos estabelecimentos de Educação/Ensino aderentes ao PRER, incentivando-os a sensibilizar toda a comunidade educativa para esta temática.