Novo hotel na antiga Ilma terá 256 camas (82 quartos duplos e 46 suites)

Uma resolução do Conselho de Governo viabilizou a capacidade máxima de 256 camas para o empreendimento turístico a construir à Estrada Monumental e Travessa do Amparo-antigas instalações da ILMA, a classificar como hotel de 4 estrelas, a levar a efeito pela ‘Ann Madeira Lacticínios, S.A.’.

A decisão de 31 de outubro último revela que o Programa de Ordenamento Turístico (POT) estabelece um limite máximo 160 camas para empreendimentos turísticos a levar a efeito em espaços urbanos mas o promotor solicitou que o pedido de informação prévia fosse apreciado tendo em conta uma exceção prevista no próprio POT.

Ou seja, ao abrigo da norma que prevê uma majoração até 60 %, “quando se trate de empreendimentos turísticos que, pelas suas características funcionais, oferta complementar de equipamentos, disponibilização de espaços verdes envolventes e integração no local, constituam empreendimentos que qualifiquem, diversifiquem a oferta turística regional, e que sejam ratificados pelo Governo Regional, através de Resolução de Conselho de Governo”.

Essa majoração foi concedida pelo que o “Four Views Formosa”, a classificar como hotel de 4 estrelas, terá capacidade prevista de 128 unidades de alojamento (82 quartos duplos e 46 suites)/256 camas.

“A área onde se desenvolve o projeto era uma área fabril, desativada há alguns anos a esta parte, que se está a degradar e que importa reconverter”, justifica a resolução.