JSD-Madeira apostou em André Neves mas quem ganhou foi Margarida Balseiro Lopes

A JSD-Madeira tinha uma forte representação na lista de André Neves à liderança nacional da JSD mas quem ganhou, por 60 votos de diferença, foi a lista de Margarida Balseiro Lopes.

A JSD-M tinha a ambição de conseguir uma das maiores representações de sempre da Madeira nos órgãos nacionais da Juventude Social Democrata.

Ainda asism, nem tudo está perdido, o único candidato a líder da JSD-Madeira, Bruno Melim integrou a candidatura “Conquistar Portugal”, liderada por Margarida Balseiro Lopes sendo cabeça-de-lista ao Conselho Nacional da JSD.

Na lista derrotada, de André Neves, que se candidatou sob o lema “É tempo da JSD”, sobressaem vários nomes da Madeira escolhidos pelo próprio. Casos de Vera Duarte, atual vice-presidente da JSD Madeira, e João Vares Luís, primeiro conselheiro regional, candidatos à Comissão Política Nacional para os cargos de vice-presidente e secretário geral adjunto, respectivamente.

Na Mesa do Congresso, André Neves contava com Leandra Mendes, vice-presidente da JSD-Madeira, e no Conselho Nacional com Maurício Ornelas, Pedro Arraiol (do secretariado regional) e Diana Pereira (presidente da JSD Câmara de Lobos).

Em caso de vitória de André Neves, a JSD Nacional poderia contar, também, com o contributo de Mariana Reynolds no Gabinete de Relações Internacionais e com Sérgio Rodrigues no Gabinete de Formação.