Sete detidos por droga, três em prisão preventiva

A Policia Judiciária através do Departamento de Investigação Criminal do Funchal, em colaboração com a UNCTE – Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes, deteve sete homens, com idades compreendidas entre os 21 e os 24 anos, pela prática do crime de tráfico de estupefacientes.

As detenções foram precedidas de várias buscas, doze das quais domiciliárias, nas áreas do Funchal, Oeiras e Sintra, tendo cinco dessas detenções sido foram realizadas em cumprimento de mandados judiciais e duas em flagrante delito.

Durante a investigação, que decorria desde Fevereiro de 2017, foram efetuadas quatro apreensões de haxixe em datas e quantidades diferenciadas que, no total, ultrapassavam os dez quilos, o que equivale cerca de vinte e uma mil e trezentas doses individuais.

No decorrer das buscas foram igualmente aprendidas cerca de sete mil doses individuais de haxixe, mil de MDMA, dinheiro, vários telemóveis, computadores portáteis, e balanças de precisão.

Algumas das buscas no Funchal foram realizadas em colaboração com as equipas cinotécnicas da GNR.

Os detidos foram presentes às autoridades judiciais para primeiro interrogatório judicial, tendo sido decretada a prisão preventiva a três deles e ficando os restantes sujeitos às medidas de coação de proibição de ausência da Região Autónoma da Madeira, impedimento de contacto entre eles e apresentações bissemanais às autoridades policiais.