Mais Porto Santo promete passar bombeiros voluntários a municipais

O Movimento Cívico Mais Porto Santo veio comprometer-se publicamente a “passar bombeiros voluntários a municipais”.
Garante o “Mais Porto Santo” que “a partir de Outubro próximo, caso vença as eleições autárquicas, vai passar os Bombeiros Voluntários do Porto Santo à categoria de Bombeiros Municipais, porque “têm de ser ressarcidos pelo trabalho que tão bem desempenham”.

“É preciso reconhecer o valor do bombeiro na sua individualidade e conceder-lhe contrapartidas pelas situações de risco em que diariamente se coloca. Não podemos ter efectivos que nada recebem há mais de um ano, como aqui se verifica e para além dos apoios em termos financeiros, é necessário abrir aos bombeiros os espaços e iniciativas municipais, proporcionando, assim, um conjunto de benefícios no seu relacionamento com a autarquia”, dizem estes candidatos.

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Porto Santo nasceu em 1996 e, no ano seguinte, foi criado o corpo de bombeiros, que para o movimento Mais Porto Santo tem de ser reconhecido de uma outra forma. “É determinante que o bombeiro sinta, de facto, que o município reconhece a abnegação, o trabalho dedicado e, no fundo, o voluntariado, que é praticado. Temos de consagrar um conjunto de regalias a estes homens que se encontram no activo proporcionando-lhes a oportunidade de seguirem a carreira de bombeiros municipais”.