Montras da Festa da Flor deram visibilidade ao comércio local

1º prémio
1º prémio do concurso de vitrinismo. Foto CMF

Margarida Silva e Diana Ferraz (texto)

Esta é mais uma iniciativa criada pela Câmara Municipal do Funchal (CMF) à qual a Associação do Comércio e Indústria do Funchal se juntou e que ‘’foi lançada na altura da Festa da Flor.’’, lembra Cristina Pedra, presidente da ACIF. O objetivo era a construção de uma fachada ou montra alusiva à Festa da Flor. É necessário ter a ‘’noção que a nossa imagem empresarial e a do comércio vivem daquilo que os olhos veem.’’, sublinha a presidente da ACIF.

Este ano o concurso contou com 23 participantes para o Concurso de Vitrinismo ‘’Cidade das Flores’’. A ACIF mostra-se disponível para continuar a fazer parceria com a CMF nesta iniciativa.

2º prémio
2º prémio.

Segundo Idalina Perestrelo, vice-presidente da Câmara Municipal do Funchal, ‘’se queremos uma cidade dinâmica e se queremos uma sociedade com movimento, com pessoas a comprar, a passear, a consumir temos que agir, não podemos estar parados, temos que fazer mais para nos tornar-mos atrativos.’’. O Funchal mostra-se uma cidade de ‘’flores’’, ‘’verde’’ e que mostra ainda um pouco do ‘’comércio tradicional’’, graças aos ‘’comerciantes e aos municipes’’, afirma Idalina Perestrelo.

3º prémio
3º prémio

Este concurso veio enaltecer a ‘’beleza das ruas’’ da cidade, mas também a ‘’atratividade dos negócios’’, diz Raquel Brazão, diretora do departamento de Economia e Cultura da CMF.

Os vencedores do Concurso de Vitrinismo ‘’Cidade das Flores’’ foram, em primeiro lugar a Loja Saudade Madeira, premiada com um cheque no valor de 1.000€, em segundo lugar a loja Vista Alegre, com um prémio de 500€ e em terceiro lugar a loja Concept Store, com um prémio de 250€. Ainda assim, foram atribuidos outras três menções honrosas às lojas Dona Hortência, Loja Parisiense e Casa Rocha, pela qualidade das suas montras.

Quanto ao concurso “Uma Selfie pelo Comércio Tradicional”, foi organizado também pela CMF e igualmente em parceria com a ACIF, com o principal objetivo de ‘’chamar a atenção dos jovens para o comércio local e tradicional’’. A vencedora deste concurso foi Bárbara José Teixeira Mendes, que recebeu um prémio de 100€.