Proprietários de edificações e terrenos devem ter uma postura pró-ativa de prevenção

/LC/

Imagem: Município Porto Moniz
Imagem: Município Porto Moniz

O Município do Porto Moniz alerta para a necessidade de termos consciência do papel que cada um de nós deve ter na prevenção do nosso património florestal.

Salienta que é necessário  todos os proprietários de edificações e de terrenos confinantes no concelho assumir uma postura pró-ativa, sendo obrigatório que, todos estes proprietários que detenham terrenos confinantes a edificações ou instalações (habitações, estaleiros, armazéns, oficinas ou outros equipamentos) procedam à gestão de combustíveis numa faixa mínima de 30 metros.

Informa ainda que as infrações às regras estabelecidas para a gestão de combustíveis constituem contraordenações puníveis com coima, acrescentando que
o respeito pelo ambiente e o cumprimento das regras de segurança podem evitar perda de idas, de bens, e proteger o nosso património paisagístico, florestal e mundial.