Google Research premeia investigadores do M-ITI

Foto: M-ITI
Foto: M-ITI

Dois projectos do M-ITI foram seleccionados pela Google Research para o Piloto de Investigação em Tecnologias de Internet das Coisas (Technology Research Award Pilot). A Internet das coisas (Internet of Things – IoT) é considerada uma das próximas revoluções informáticas permitindo a interligação de dispositivos físicos (incluindo veículos, objectos, electrodomésticos, etc.) à Internet, explica o M-ITI. A Google desenvolveu várias tecnologias para a Internet das Coisas e lançou este desafio a nível mundial para permitir aos investigadores explorarem novas utilizações destas tecnologias, refere o Instituto.
Os dois projectos seleccionados são liderados pelos professores Nuno Nunes e Valentina Nisi, investigadores do M-ITI e do LARSYS. O primeiro projecto tem a designação de SEDUCE (Sensing of Domestic Users for Conservation of Energy) é dirigido por Nuno Nunes e pretende aplicar as tecnologias de Internet das Coisas para permitir detectar actividades domésticas relacionadas com consumo de energia.

O projecto SEDUCE terá como objectivo testar a interligação entre as atividades domésticas (cozinhar, tratar da roupa, etc.) e as oportunidades para reduzir de forma automática ou intencional o consumo de energia doméstico. O segundo projecto tem a designação de
iBeFUN (iBeacons for Fun) e será conduzido por Valentina Nisi e tem como objectivo explorar a utilização das tecnologias da Google nas histórias dependentes da localização com aplicação ao Turismo. Este projecto envolverá a instalação de vários Beacons da Google (sensores com tecnologia bluetooth de baixo consumo) nas ruas da cidade do Funchal para explorar a forma como as pessoas interagem com conteúdos de media imateriais (por exemplo rumores) ou aumentar as experiências dentro e fora de ambientes fechados (museus, “escape rooms”, etc.).
Os projectos do Technology Research Award da Google têm uma duração de 4 a 8 semanas para os quais as equipas de investigação recebem apoio da Google para o desenvolvimento e teste de protótipos que envolvam a ligação entre o mundo físico e a Internet. A Google suporta os projectos para permitir uma maior ligação entre as comunidades de investigação internacionais e as suas equipa internas de engenharia e desenvolvimento.