Presidente turco lamenta abate de avião russo

erdogan

Apesar da recente retórica pouco amável entre a Rússia e a Turquia na sequência do abate de um avião russo por ter supostamente invadido espaço aéreo turco em operações contra os rebeldes jihadistas na fronteira com a Síria, o presidente turco Recep Erdogan veio hoje ‘deitar água na fervura’ com novas declarações.

Citado pela BBC, Recep Erdogan referiu ter ficado “entristecido” com o abate do avião militar russo e declarou desejar que tal não tivesse acontecido.

Erdogan acrescentou desejar que nunca um tal acidente volte a ocorrer.

No entanto, até agora, Erdogan tem recusado pedir desculpas à Rússia, acusando Moscovo de ‘estar a brincar com o fogo’ nas suas operações na Síria.

A Turquia avisou os seus cidadãos para não viajarem para a Rússia a menos que tal seja estritamente necessário.

Por outro lado, na sexta-feira, a Rússia revogou o acordo que permitia aos cidadãos turcos viajarem para a Rússia sem visto.