Passagem de testemunho na Saúde sem ressentimentos

Tomade de Posse Dr.Faria Nunes8EF
Foto Rui Marote

Esta tarde foi assim, na Assembleia Legislativa da Madeira: a passagem do testemunho num clima de harmonia democrática. Sai Manuel Brito, entra João Faria Nunes.

Com o sorriso de sempre, o demissionário Manuel Brito marcou presença na tomada de posse do seu sucessor. Está oficialmente nomeado João Faria Nunes como o novo secretário regional da Saúde, logo, com luz verde para governar a delicada pasta.

Há pouco mais de três meses, este cenário era impensável. Tudo indicava que o experiente Manuel Brito  tinha mais do que condições para governar. O tempo demonstrou que não era bem assim. Alegando princípios éticos e de honra, Manuel Brito chegou aos “300 metros” e preferiu sair e abrir caminho a outro colega. Sem ressentimentos, marca presença na sessão de posse, cumprimenta o seu sucessor, na presença do deputado social-democrata Carlos Rodrigues, e demais governantes e parlamentares.

Cabe agora ao médico urologista mostrar que também tem perfil para gerir a Saúde regional, a braços com constrangimentos financeiros e uma dívida elevada. Só no SESARAM, o número de cirurgias tem vindo a baixar, as listas de espera crescem e faltam médicos para responder às solicitações dos utentes.

Segundo o presidente do Governo Regional já adiantou, a política de saúde para a Região está definida e é para manter, apesar da saída de Brito, cujo trabalho foi publicamente elogiado por Albuquerque. A dúvida agora reside em saber se João Faria Nunes mantém a equipa clínica e administrativa ou se opta por escolher profissionais da sua confiança.