CMF anuncia que o Funchal se prepara para chuvas mais intensas

foto Rui Marote (arquivo)

Uma informação da CMF refere que, atendendo à probabilidade de aumento da pluviosidade nos próximos dias, e pese embora não terem sido ainda emitidos alertas para as condições meteorológicas de possibilidade de precipitação intensa, o serviço de Limpeza Urbana da Câmara Municipal do Funchal tem intensificado todo o trabalho de monitorização de pontos críticos sujeitos a inundação, como é o caso dos colectores de águas pluviais (sarjetas), linhas de água, grelhas, entre outros.

Nestas circunstâncias, há um reforço nas limpezas e vistorias, de modo a garantir que o curso de água pluvial está desobstruído no caso de precipitação intensa, minimizando assim situações de risco para pessoas e bens, assegura a autarquia funchalense.

“Também estão convocadas equipas de trabalhadores que fica em alerta/prevenção para o caso de ser necessário intervenção imediata”, garante-se.

“Este trabalho tem de ser contínuo e persistente, pois com o vento e a chuva as folhagens e os resíduos mais leves facilmente são arrastados para os colectores de águas pluviais (sarjetas), para as grelhas e o sistema de drenagem de águas, exigindo das equipas de trabalho um cuidado acrescido” dá conta a vereadora do Ambiente da CMF, Nádia Coelho.

Neste sentido, a CMF apela a que os munícipes adotem comportamentos preventivos, nomeadamente no que diz respeito à limpeza das linhas de água e escoamento, junto às suas habitações.