Estepilha! Já começou a dança de cadeiras?

Por obrigação legal, por amor à camisola, para ter todo o tempo do mundo e o mundo a seu tempo, parece que já começou a dança de cadeiras entre autarcas e dirigentes do PS-Madeira.

Uns renunciam ao mandato, outros suspendem, outros mantém-se em funções mas com os olhos postos noutros lugares.

O Estepilha não censura ninguém até porque habituou-se, em mais de 40 anos monocolores, a que houvesse poucas mudanças de cadeiras. Ou melhor, a que a bandeira fosse salvo conduto para uma cadeira…no poder.

O Estepilha aplaude quem faz opções (umas mais forçadas do que outras). E insta quem as não faz a fazê-las.

Não sabemos se haverá alternância lá para finais de setembro mas que haverá ajuste de cadeiras, lá isso haverá.

Para já, como diria Zeca Afonso:

“O que faz falta é avisar a malta/O que faz falta é acordar a malta/O que faz falta é empurrar a malta/O que faz falta é agitar a malta/O que faz falta é libertar a malta/O que faz falta é animar a malta/O que faz falta é dar poder à malta”.