Deputados do PSD contrariam críticas da oposição parlamentar

Jaime Filipe Ramos

Os deputados do PSD-Madeira não gostaram de ser apontados, no decorrer do balanço à temporada parlamentar, como perpetuadores de práticas pouco democráticas usuais nos antigos governos jardinistas. Recorde-se que o PSD de Albuquerque foi apontado pela maioria dos partidos da oposição como persistindo nos vícios de chumbar sistematicamente as propostas da oposição, para mais tarde utilizar vários aspectos dessas mesmas propostas como se fossem suas. Além do mais, é insistente, da parte da oposição, a consideração de que, apesar da maior presença do Governo no parlamento, o debate fica-se muitas vezes pelo palavreado mas pouca abertura tem sido demonstrada à colaboração dos outros partidos. O Executivo presidido por aquele que em tempos foi um’delfim’ de Jardim também tem sido acusado de não cumprir promessas eleitorais.

Ora, tudo isto desagradou ao PSD-M, que ontem, através dum comunicado assinado pelo líder parlamentar Jaime Filipe Ramos, veio contestar as acusações.

“Face às notícias que têm surgido nos últimos dias nos meios de comunicação relativas à postura do PSD nesta primeira sessão legislativa e que em nada refletem a seriedade política e a verdade dos factos, esclarecemos o seguinte”, principia o comunicado.

A nota prossegue com a reafirmação da disponibilidade dos social-democratas para o debate e discussão de todas as iniciativas parlamentares, “reservando-se, contudo, ao direito de aprovar as iniciativas que considera serem válidas e devidamente apresentadas, de acordo com os compromissos eleitorais assumidos e com as reais necessidades da população”.

Os deputados do PSD consideram que tal ficou demonstrado com a aprovação, neste primeiro ano de legislatura, de várias iniciativas, não só do Governo Regional e do PSD como também da oposição, dizem.

“Face ao exposto, recusamo-nos a alinhar na demagogia ou populismo partidário, que apenas têm por objetivo o ‘show off’ político e a soma de pontos para a estatística parlamentar”, afirmam os parlamentares.

O Grupo Parlamentar do PSD apela, por isso, a que a população, através do site da ALRAM, possa analisar as propostas da oposição, “as quais, na sua maioria, são mal formuladas e sem o respetivo enquadramento legal e/ou orçamental”.

Em nome da nossa democracia e autonomia, continua a nota de imprensa, “o Grupo Parlamentar do PSD reforça o seu empenho e disponibilidade para o diálogo com todos os agentes políticos, sociais e económicos que tenham por objetivo a sustentabilidade da nossa Região e a construção de um melhor futuro para todos os madeirenses”.