Diretor geral da TAP na Madeira deverá ser Paulo Nóbrega

Audição Fernando Pinto TAP2Com Rui Marote

Foi uma revelação de Bernardo Trindade, administrador não executivo da TAP, quando veio à Assembleia no âmbito da audição na Comissão de Inquérito à gestão da TAP. A companhia passaria a ter, na Região, um diretor geral. Um anúncio que foi desmentido mas que, agora, Fernando Pinto, ex-presidente da transportadora, que hoje está a ser ouvido no Parlamento Madeirense, voltou a trazer a público.

O Funchal Notícias apurou que inclusive já existe um nome em cima da mesa para esse cargo, desconhecendo-se ainda qual a data em que a companhia passa a contar com essa figura representativa na Região. Paulo Nóbrega, o homem forte da Groundforce, é o que está na primeira linha para essa função.

Recorde-se que no dia 12 de novembro, o administrador não executivo da TAP, Bernardo Trindade, tinha afirmado que os cancelamentos por razões operacionais e os outros que se relacionam com os ventos no Aeroporto Internacional da Madeira Cristiano Ronaldo, são motivos que estão na origem da criação, por parte da TAP, da figura de um diretor geral baseado na Região, precisamente para dar a cara pela companhia na Madeira.